237ª Assembleia Ordinária da AMALPA na cidade de Ouro Branco

No dia 11/05, foi realizada a reunião da AMALPA na cidade de Ouro Branco, contando com a presença na mesa de honra, do Presidente da AMALPA e Prefeito de Queluzito Célio Pereira de Souza, do Prefeito anfitrião Hélio Márcio Campos acompanhado de seu vice-Prefeito, Celso Roberto Vaz, o Deputado Estadual Glaycon Franco, o Prefeito de Congonhas José de Freitas Cordeiro, o Presidente da Câmara de Ouro Branco Carlos Roberto Pereira, a Analista de Empreendedorismo e Invocação da SEDECTEF Daniele Cardoso Nascimento e o Diretor Administrativo e Financeiro da EMATER Leonardo Brumano Kalil.

O Secretário Executivo Claudionei Nunes deu início a reunião e executou o Hino Nacional.

O Presidente da AMALPA Célio Pereira, enfatizou que o objetivo da associação é trazer inovação para os municípios, oportunidades, buscando sempre o melhor. “Hoje o que falta nos pequenos empresários, agricultores, é a confiança. É enxergar a sua fazenda como empresa, como negócio. É preciso capacitar e qualificar, para melhorar os produtos e ter uma produtividade melhor, beneficiando a população.”

O Prefeito anfitrião Hélio Campos, abordou sobre a importância do desenvolvimento, onde essa fonte de conhecimento leve todos os municípios do Alto Paraopeba a uma revolução tecnológica, onde possa ter mais empresas, startups com o viés tecnológico: “Dessa forma, a gente polui menos, tem um maior valor agregado ao serviço e consegue realmente gerar os empregos que a gente precisa para nossa comunidade.”

O Deputado Glaycon Franco abordou vários assuntos, dentre eles as diversas melhorias implantadas em cidades da região das Vertentes, advindas de sua atividade parlamentar e de entendimentos conduzidos no âmbito do governo de Minas Gerais. Uma das preocupações constantes traduz-se no reforço às ações de segurança pública. A região das vertentes tem vocação natural para a atividade agrícola: “Cerca de 15 dias atrás, fizemos um grande encontro regional em Conselheiro Lafaiete, em parceria com a oitava Superintendência Regional de Ensino, quando reunimos a maioria dos diretores de escolas estaduais da região e diversas associações de produtores rurais. Estamos trabalhando para que as associações de produtores rurais visitem a superintendência e as escolas, se inteirem da situação e busquem orientação sobre como e onde vender o seu produto no âmbito do PNAE (Programa Nacional de Alimentação Escolar). Ao mesmo tempo, vimos trabalhando a questão dos licenciamentos ambientais regionais para fortalecer e desburocratizar empreendimentos rurais na nossa região. É o caso do SIM (Sistema de Inspeção Municipal Regional), para que aqueles que já produzem dentro de normas sanitárias específicas possam expandir a comercialização de seus produtos para toda a região. Afinal, se a economia do país não está pior, isso é graças ao homem do campo”.

O Diretor da EMATER Leonardo Kalil palestrou sobre o funcionamento da EMATER, dando destaque a diversos assuntos, dentre eles a organização dos agricultores: “O desenvolvimento que nós levamos é muito grande, a agricultura é um crédito subsidiário que deve ser usado com responsabilidade, é feito um projeto de acordo com a real necessidade do agricultor e leva desenvolvimento para o município, girando a economia local. Hoje cada vez mais a sociedade está exigindo alimentos com menos produtos químicos, menos industrializados e que tem essa aptidão de produzir alimentos com menos agrotóxicos e mais naturais, são os agricultores familiares e temos aqui uma região muito propícia para desenvolver a agricologia.”

A Analista da SEDECTEF Daniele Nascimento palestrou com destaque em inovação nos municípios: “Temos que visar a cidade inteligente e como fazemos isso? Precisamos conectar ela e dar mais fácil acesso, tanto na questão da mobilidade, da saúde e da educação. O papel dos gestores públicos hoje é fazer chegar a tecnologia na sociedade e a inovação não precisa estar em aparelhos, trata-se de inovação de processo em modos de lidar com novas realidades e desafios. As empresas tem que entregar o mesmo produto com a mesma qualidade, em qualquer lugar do mundo, é assim que a cidade inteligente deve funcionar.”

Estiveram presentes os Prefeitos de Caranaíba Marcos Bellavinha, de Entre Rios de Minas José Walter, de Moeda Leonardo Moura, de São Brás do Suaçuí Elias Ribeiro.

Os Vice-Prefeitos de Conselheiro Lafaiete Dr. Marco Antônio, de Cristiano Otoni Márcio José, de São Brás do Suaçuí Paulo Luciano.

O Presidente de Câmara de Entre Rios de Minas Franklin William.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.